domingo, 30 de junho de 2013

A Democracia e os Mercados na Nova Ordem Mundial - Excertos 2

"Os principais factores que conduziram à actual crise económica global estão razoavelmente bem entendidos. Um deles é a globalização da produção que veio oferecer aos empresários a tentadora perspectiva de fazer retroceder as vitórias dos trabalhadores no plano dos direitos humanos. A imprensa de negócios avisa abertamente «os mimados trabalhadores ocidentais» de que têm de abandonar «o seu estilo de vida luxuoso» e «os factores de rigidez do mercado» que são a sagurança de emprego, as pensões, a saúde e a segurança no trabalho e outras asneiras ultrapassadas."

"A ameaça é suficiente para forçar os trabalhadores a aceitarem salários mais baixos, horarios mais longos, reduções nos beneficios e na segurança, e outras formas semelhantes de inflexibilidade."
E, ao mesmo tempo que o rendimento familiar médio continua a declinar, mesmo com a lenta recuperação a que se assiste, a revista Fortune esfrega as mãos de contente com os «deslumbrantes» lucros das 500 maiores fortunas, apesar da «estagnação» das respectivas vendas. A verdade destes «tempos das vacas magras» é que o país está a nadar em capital... mas colocado nas mãos certas."

"Um segundo factor da actual catástrofe do capitalismo de Estado, que deixou cerca de um terço da população mundial praticamente sem meios de subsistência, é a enorme explosão do capital financeiro não regulamentado, que começou há vinte anos com o desmantelamento do Sistema Bretton Woods, tendo-se chegado a uma situação em que possivelmente se movimenta todos os dias um trilião de dolares.
A estrutura do capital financeiro também mudou radicalmente. Antes de o sistema ter sido desmantelado por Richard Nixon, cerca de 90% do capital envolvido nas trocas internacionais destinava-se a investimentos e comércio, e 10% era aplicado em especulação. Em 1990 estes números tinham-se já invertido completamente e um relatório da UNCTAD estima em 95% a parte actualmente dedicada à especulação."


"A Democracia e os Mercados na Nova Ordem Mundial" - (Noam Chomski, 1994)
Enviar um comentário

Publicação em destaque

Marionetas russas

por Serge Halimi A 9 de Fevereiro de 1950, no auge da Guerra Fria, um senador republicano ainda desconhecido exclama o seguinte: «Tenh...